Aos 48 anos, falece o cantor Renatinho, vocalista do grupo de pagode Bokaloka; ele infartou no palco de show

O cantor Renatinho, que faz parte do grupo de pagode Bokaloka, faleceu na noite desta quinta-feira, dia 5 de janeiro, aos 48 anos. 

O músico passou mal durante um show realizado na noite de quarta-feira, 04, no Bar do Zeca, um tradicional ponto situado na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

O músico passou mal ainda no palco da apresentação e precisou ser socorrido às pressas. Renatinho deu entrada ao Hospital Municipal Lourenço Jorge e foi transferido ao Instituto Nacional de Cardiologia. Exames iniciais constataram um entupimento de artérias, sendo necessário um procedimento de angioplastia.

Em maio do ano passado, Renatinho deu um susto nos seus amigos e familiares ao passar mal durante uma turnê internacional do Bokaloka pela Europa. Durante a viagem, o músico sentiu fortes dores no peito e precisou ser levado às pressas para um hospital de Paris, na França.

Os médicos constaram problemas arteriais e fizeram a colocação de stents. O procedimento é utilizado para desobstruir as vias entupidas, situação que causa o bloqueio no fluxo sanguíneo e, consequentemente, o infarto.

Renatinho, tecnicamente, faleceu por conta de um choque cardiogênico em contexto de infarto agudo do miocárdio. A tragédia rendeu uma onda de comoção no universo da música e sensibilizou os artistas do pagode.

Comentário do usuário