Maltratada por médicos, mulher carrega feto calcificado por 9 anos no intestino e acaba falecendo depois que o feto explo… Ver mais

Uma refugiada de 50 anos do Congo, na África, morreu de complicações decorrentes de um feto calcificado em seus intestinos.

A mulher sofreu maus-tratos no hospital

O caso, relatado no início de março pela revista BMC Women’s Health, mostra que a paciente sofria de uma condição muito rara chamada lisopédio – quando o feto se desenvolve no abdômen e não no útero.

Sua saúde Por causa da condição, a mulher teve desconforto intestinal constante, incluindo dor abdominal intensa, inchaço e sensação de “bolha” pós-prandial. Ela carregou um feto calcificado em seu corpo por nove anos até sua morte.

O feto calcificado é o nono filho de uma paciente que nunca mais voltou a uma unidade de saúde depois de ter sido abusada por médicos na Tanzânia, um país da África Oriental. Uma mulher que fugiu do Congo foi tratada por um médico americano encarregado do diagnóstico.

Além de relatar sintomas, a paciente realizou exames de imagem que revelaram calcificação fetal no intestino. Por esse motivo, os médicos recomendaram uma cirurgia de emergência para remover o feto e limpar os intestinos.

O trauma passado da paciente foi revivido, então a mulher não consentiu com a operação. Como resultado, ela continuou a manter o feto dentro, causando múltiplas complicações gastrointestinais.

Ela morreu de desnutrição grave 14 meses após o diagnóstico, pois seus órgãos intestinais não conseguiam absorver adequadamente os nutrientes que ingeria.

Ela se recusou a realizar o procedimento, devido ao trauma

A mulher deu à luz mais oito filhos, três dos quais morreram logo após o nascimento. O acidente aconteceu durante sua nona gravidez.

O médico que a tratou nos Estados Unidos sugeriu a remoção cirúrgica da calcificação fetal, mas a mulher recusou a cirurgia por medo da cirurgia. Ele morreu de desnutrição aguda causada por feto calcificado.

Litopédio é uma formação rara. Menos de 300 casos foram registrados desde a descoberta do litópode na França em 1582. A palavra litopédio vem do grego e significa criança da pedra.

Comentário do usuário

2023/4/2 2:46:14